31 julho 2009

Suecas querem igualdade de salários

Numa pesquisa iniciada ontem pelo jornal sueco “Aftonbladet”, intitulada “Qual a mais importante questão relacionada à igualdade entre homens e mulheres a ser discutida na Suécia hoje em dia”, os leitores participam votando nas seguintes alternativas:
- fim da violência contra a mulher- direitos “divididos” à licença-maternidade (os homens, como comentei no texto anterior, têm o direito de dividir com a mulher o tempo que cada um fica em casa com o recém-nascido; mas, as mulheres ainda são quem ficam mais com as crianças, adiando assim, o retorno ao trabalho)- salários iguais para trabalhos iguais entre homens e mulheres- mais recursos para pesquisas relacionadas à saúde da mulher- fim da pornografia- mais mulheres em cargos de liderança- 6 horas de jornada de trabalho (a jornada atual é de 8 horas)- fim do “comércio” de mulheres
Até às 13h30 (horário local), 4475 pessoas tinham respondido à pesquisa. A questão que, por enquanto, é considerada a mais importante para as suecas é a igualdade de salários pelo desempenho das mesmas tarefas, com 42,9 % dos votos. A segunda alternativa apontada como a mais importante é o fim da violência contra a mulher, com 23,8%.
No painel de discussões do jornal, uma leitora comenta: “Não existe uma questão mais importante que a outra. Seria como perguntar qual das disciplinas escolares é a mais essencial”. Será?

Créditos: Globo.com (portal G1)

Nenhum comentário: